Sermig

ENFRENTAR AS FRONTEIRAS

Nesta semana, entre os dias 23 e 27 de setembro, aconteceu, em São Paulo, no Centro Universitário São Camilo, o 8º Congresso de Teologia da Comissão de Estudantes de Teologia de São Paulo (Cetesp). Tema do congresso: “Nova Evangelização: problemas de fronteira”.
Como SERMIG - Fraternidade da Esperança, no dia 25/09, tivemos a oportunidade de realizar uma das oficinas, com o título: “Cristãos 24 horas por dia”.
Depois da oficina, colocamos por escrito alguns dos conteúdos que partilhamos com os participantes...


Cada fronteira representa um limite, mas quando paramos em frente a esse limite, às suas dificuldades e complexidades, desperdiçamos o nosso tempo e já somos perdedores.
Se, ao contrário, fizermos de cada problema ou imprevisto uma oportunidade de crescimento, é provável que se abra algo novo em nós e na nossa vida. Temos que escolher o caminho da disponibilidade e apostar na esperança.

Ler mais: ENFRENTAR AS FRONTEIRAS

Curso de fotografia no Arsenal

Começa no dia 16 de outubro o curso de “composição e linguagem fotográfica - Imagens criativas com qualquer câmera” para todos os interessados em fotografia...

Programação de outubro – novembro – dezembro
Turma noturna – Quartas-feiras, das 19:30 às 21:30h
16/10, 23/10, 30/10, 06/11, 09/11 (sábado - saída fotográfica), 13/11, 20/11, 23/11 (sábado - saída fotográfica), 27/11, 04/12

Turma Vespertina – Quartas-feiras, das 14:30 às 16:30h
16/10, 23/10, 30/10, 06/11 (saída fotográfica), 13/11, 20/11, 27/11 (saída fotográfica), 04/12, 11/12.

Apresentação
O curso se propõe a desenvolver no aluno a percepção e o olhar fotográfico, através do aprendizado das técnicas de composição utilizadas pelos mestres da fotografia do passado e da atualidade, habilitando-o a realizar imagens criativas, com qualquer tipo de câmera fotográfica.

Ler mais: Curso de fotografia no Arsenal

A PAZ se nutre de AMOR: quanto mais cedo começa, melhor

Síria, Paquistão, Quênia... A PAZ continua parecendo um sonho impossível, distante. Dezenas de conflitos em muitas regiões do planeta, alguns particularmente violentos e preocupantes para o futuro da humanidade.

Se falta a PAZ no mundo é porque falta também em nossa vida cotidiana, em nossas cidades e nas nossas casas. A PAZ é um bem que nasce no coração das pessoas e se desenvolve nos gestos do dia a dia... Como nos de uma mãe, que faz o impossível para fazer com que a sua criança se alimente. Inventa fábulas incríveis, até que a criança, maravilhada, abra a boca e ela, rápida e esperta, lhe dá o bocado de comida.

A PAZ é assim: precisa de amor, presença, carinho, empenho, trabalho, e até de esperteza e inteligência (como fala o Evangelho de hoje – Lucas 16, 1-13), para que cada um abra o coração e se torne uma pessoa de PAZ: quanto mais cedo começa, melhor...

Vídeo realizado pelo SERMIG – Fraternidade da Esperança no Arsenal da Paz de Turim (Itália).

Domingo 29: A LUZ DA FÉ, manhã de retiro no Arsenal

Neste domingo (29/9), a partir das 9h: manhã de retiro com a Fraternidade da Esperança, aberto a todos os amigos da casa.
Assessorados pelo professor Sergio Alejandro Ribaric, continuaremos a reflexão sobre o Ano da Fé.

Programação:
09h, oração das Laudes (Liturgia das Horas)
09h30, palestra: Refletindo sobre a “Lumen fidei” - A Luz da fé, a primeira Encíclica do Papa Francisco
10h30, silêncio e reflexão pessoal
11h15-12h, momento de partilha

MÊS DA BÍBLIA: as emoções da Vigília da Palavra 2013

A VIGÍLIA DE LEITURA CONTÍNUA DA PALAVRA, edição 2013, capturada pelas fotos de Lorenzo, Luiz e Danilo, o nosso time de fotógrafos (voluntários). Na GALERIA DE FOTOS, imagens dos 115 leitores, dos muitos participantes, mais algumas instantâneas nos bastidores!

A Vigília de leitura contínua da Palavra é uma iniciativa promovida pelo SERMIG – Fraternidade da Esperança e teve início em 2011, com a passagem da Cruz peregrina e do Ícone de Nossa Senhora no Arsenal da Esperança, em preparação para a JMJ Rio 2013.

Na primeira edição da Vigília, realizada em setembro de 2011, foram lidos os quatro Evangelhos. Já na segunda edição, leu-se o livro dos Atos dos Apóstolos e as cartas apostólicas. Neste ano, 115 vozes diferentes se alternaram na leitura dos Livros do Gênesis e do Êxodo durante 10 horas ininterruptas de leitura. Dezenas de colaboradores, jovens da comunidade e acolhidos pelo Arsenal da Esperança ajudaram na organização, decoração e divulgação do evento.

MÊS DA BÍBLIA: a VIGÍLIA DA PALAVRA se aproxima...

Gente pintando, escrevendo, pensando, fazendo ligações, convidando seus amigos... A 3ª edição da VIGÍLIA DE LEITURA CONTÍNUA DA PALAVRA se aproxima. Na noite do dia 13 para o dia 14 de setembro, a Fraternidade da Esperança propõe novamente a iniciativa que começou em 2011, com a passagem da Cruz e do Ícone de Nossa Senhora, símbolos da JMJ, pelo Arsenal da Esperança. Mais uma vez, amigos e amigas de diferentes realidades, idades, pastorais, grupos e movimentos se alternarão na leitura da Palavra de Deus.


Neste ano leremos os Livros do Pentateuco começando pelo relato da criação, do Gênesis, o Livro que inspirou o Papa Francisco em sua homilia na Vigília de Oração pela Paz, no sábado, dia 7 de setembro: “Deus viu que isso era bom” são palavras – explicou Francisco – através das quais compreendemos que esse mundo, “no coração e na mente de Deus, é casa de harmonia e de paz” e que “os seres humanos, criados à imagem e semelhança de Deus, são uma única família, em que as relações estão marcadas por uma fraternidade real e não simplesmente de palavras: o outro e a outra são o irmão e a irmã que devemos amar...”.

Em dias como estes, em que somos obrigados a recordar que a paz e a harmonia são realmente questões que nos dizem respeito, a Bíblia nos convida a sermos uma comunidade orante que, ouvindo seus ensinamentos, “tira as sandálias”, se questiona, reza, se confronta com a vida, procura indicações e conselhos sobre como enfrentar problemas pessoais e coletivos como a guerra e a violência que se alastram. É pela Palavra que o Pai renova conosco a criação que “continua a ser uma obra boa” se nós não perdermos de vista os seus ensinamentos.

No dia 13, a partir das 19h, no Arsenal da Esperança, esperamos também VOCÊ para ler e ouvir a Palavra de Deus. Muitas pessoas, colégios, comunidades, grupos de jovens... já aderiram. Convidem os seus amigos! Vamos partilhar esse momento de vigília e oração!



PROGRAMAÇÃO:


19h do dia 13/09: Acolhida.

19h30:
- Abertura, com a presença do CARDEAL DOM ODILO PEDRO SCHERER.
Ampliar Imagem- Oração inicial com os jovens e os monges do Mosteiro de São Bento.

20h:
- Início da Leitura da Palavra, com os Livros do Pentateuco. A leitura continuará a noite toda, ritmada pela mudança dos leitores e por breves espaços musicais e momentos de silêncio.

06h30 do dia 14/09:
- Término da Vigília com a celebração da Missa presidida por DOM EDMAR PERON, Bispo auxiliar da Arquidiocese de São Paulo, responsável pela Região Belém

Os amigos d'A PRAÇA rezam pela PAZ na SÍRIA

Os amigos d'A PRAÇA atenderam ao apelo do Papa Francisco e realizaram, na tarde deste sábado (7), um Momento de Oração Silenciosa pela PAZ na Síria: "SYRIA NO WAR".

Diante do perigo de uma nova intervenção militar na SÍRIA e das tantas situações de violência e conflito no Oriente Médio e no mundo, o Papa nos convidou a REAGIR com a força mais potente que temos, como cristãos e homens de boa vontade: ORAR e jejuar, oferecendo GESTOS concretos de penitência, paz e justiça.

Nesse momento em prol da paz recordamos todas as guerras e conflitos armados que, no mundo, causam milhares de vítimas: mulheres, crianças e pessoas desamparadas e inocentes... Durante as orações, eram reproduzidos sons gravados nas ruas de Damasco nos ataques. Tanques, bombas, tiros... O barulho das armas mais uma vez nos leva a dizer que tudo é perdido com a violência e a guerra, mas nada é impossível com a paz.

 


Esperamos que mesmo estes dias de grande preocupação possam se tornar ocasião para construirmos também aqui, no nosso bairro, na nossa comunidade, percursos comuns de reconciliação e de solidariedade entre todos os cidadãos. A Vigília "SYRIA NO WAR" quis unir os corações e os esforços de todos pelo ‘bem comum’ supremo que é a PAZ.

SÍRIA: “...eu tenho medo da guerra”

“Cobre os meus olhos porque eu tenho medo da guerra!”. É a frase que nos disse ontem uma menina de 5 anos assistindo ao telejornal. Há mais de dois anos as CRIANÇAS DA SÍRIA estão dizendo a mesma coisa sem encontrar ninguém que escute o seu drama.

Um milhão de crianças precisaram fugir da casa em que moravam e da terra onde nasceram. Além de todos aqueles que subiram ao céu e de todos aqueles que continuaram vivendo em um lugar que se tornou um inferno. A reposta ao medo deles não pode ser outra bomba, outra morte, outra destruição, outro medo.

As armas matam quatro vezes. Usando o dinheiro que poderia ser investido em desenvolvimento, saúde, educação, pesquisa. Absorvendo a inteligência de cientistas e engenheiros que, empregada de outra forma, poderia curar doenças e resolver tantos problemas do mundo. Matam a terceira vez porque, quando disparam, não estão brincando. Por fim, semeiam vingança.

A resposta que um milhão de crianças esperam é outra. Voltar para casa. Ir à escola. Ser crianças. Brincar e sorrir. Esperam alguém que tome conta delas, que devolva a elas o presente para que possam ter também um futuro.
Quando forem grandes, se tornarão homens e mulheres cheios de vontade de se vingar de quem lhes roubou a infância e destruiu tudo aquilo que tinham.
O ódio, o terror, a morte, a destruição, o medo que elas têm ao seu redor está crescendo também dentro delas.

É urgente que as Nações Unidas se tornem realmente e finalmente o lugar onde sejam enfrentados e resolvidos os problemas do mundo, com a promoção da educação, do desenvolvimento e da justiça para prevenir cada nova guerra.

Neste sábado, 7, às 15h, o Arsenal da Esperança e os 'Amigos da Praça' se unem à oração pela paz na Síria e em todo o Oriente Médio, convocada pelo Papa Francisco e promovem um 'Momento de Oração Silenciosa', n'A PRAÇA, antiga Capela Nossa Senhora Aparecida dos Ferroviários (Rua Dr. Almeida Lima 750).
Esperamos você!


A Fraternidade da Esperança

SYRIA NO WAR "Nunca mais a guerra!"

O Arsenal da Esperança e os 'Amigos da Praça' se unem à oração pela paz na Síria e em todo o Oriente Médio, convocada neste domingo (1º de setembro) pelo Papa Francisco e promovem um 'Momento de Oração Silenciosa', neste sábado (7, às 15h), n'A PRAÇA, antiga Capela Nossa Senhora Aparecida dos Ferroviários (Rua Dr. Almeida Lima 750).

ANGELUS do papa Francisco
Praça de São Pedro
Domingo, 1º de Setembro de 2013


Hoje, queridos irmãos e irmãs, queria fazer-me intérprete do grito que se eleva, com crescente angústia, em todos os cantos da terra, em todos os povos, em cada coração, na única grande família que é a humanidade: o grito da paz! É um grito que diz com força: queremos um mundo de paz, queremos ser homens e mulheres de paz, queremos que nesta nossa sociedade, dilacerada por divisões e conflitos, possa irromper a paz! Nunca mais a guerra! Nunca mais a guerra! A paz é um dom demasiado precioso, que deve ser promovido e tutelado.

Vivo com particular sofrimento e com preocupação as várias situações de conflito que existem na nossa terra; mas, nestes dias, o meu coração ficou profundamente ferido por aquilo que está acontecendo na Síria, e fica angustiado pelos desenvolvimentos dramáticos que se preanunciam.

Ler mais: SYRIA NO WAR "Nunca mais a guerra!"

Ernesto Olivero: “Na Bíblia encontro tudo o que procuro, por isso a tenho sempre comigo”...

Abri a Bíblia pela primeira vez depois de um encontro com Giorgio La Pira*. Naquela época ainda não o conhecia pessoalmente, mas ele me fez vibrar citando algumas palavras do profeta Isaías, que eu nunca tinha escutado antes.

Peguei a Bíblia e procurei aquele versículo, que anos depois entraria na história do Arsenal da Paz de Turim: “Quebrarão as suas espadas, transformando-as em relhas, e as suas lanças, a fim de fazerem podadeiras. Uma nação não levantará a espada contra a outra, e nem se aprenderá mais a fazer guerra” (Isaías 2, 4). O coração me sugeriu que o Senhor me “usaria” para alguma coisa desse tipo, porque aquelas palavras entraram dentro de mim e eu sentia que o pensamento daquele Deus de quem eu lia as palavras era lógico. Deus sempre foi lógico para mim. Não um Deus envolto em nuvens, misterioso, mas lógico: “Ama”.

Ler mais: Ernesto Olivero: “Na Bíblia encontro tudo o que procuro, por isso a tenho sempre comigo”...

Investir na Esperança! 35 acolhidos recebem certificado

Hoje, 30/08, no Arsenal da Esperança, foram entregues os certificados dos Cursos de Capacitação Profissional a 35 acolhidos da casa (dos 48 que se formaram neste último trimestre). Mais uma vez parabenizamos e agradecemos a todos, de maneira especial os professores, a equipe de Serviço Social e os nossos parceiros: SENAI e GRSA que trabalham conosco para oferecer a muitos uma nova esperança.

Domingo 1º de setembro: “Para conhecer o Pentateuco”

Em preparação à 3ª VIGÍLIA DE LEITURA DA PALAVRA, no dia 1º de setembro (domingo, das 9h ao meio-dia), acontecerá um encontro dedicado à Bíblia com o tema “Para conhecer o Pentateuco”, assessorado pela professora Rita de Cácia Ló (Mestra em Teologia Bíblica pela PUC-São Paulo e Professora da Faculdade de Teologia do Mosteiro de São Bento).

O encontro é aberto a todos os amigos da casa (favor confirmar a presença). Solicitamos aos participantes para trazer a Bíblia.

Local: ARSENAL DA ESPERANÇA, Rua Dr. Almeida Lima 900 (Metrô Bresser-Mooca).
Contato: 11- 2292.0977 - Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Arsenal da Esperança recebe Comenda Dom Luciano Mendes de Almeida

No dia 27 de agosto, em Mariana (MG) o Arsenal da Esperança foi um dos homenageados com a Comenda Dom Luciano Mendes de Almeida do Mérito Educacional e da Responsabilidade Social, concedido pela Arquidiocese de Mariana, na qual Dom Luciano foi arcebispo.

MÊS DA BÍBLIA 2013: Arsenal da Esperança prepara a 3ª Vigília de Leitura da Palavra

SETEMBRO foi escolhido no Brasil como o “Mês da Bíblia”. Na noite do dia 13 para o dia 14, a Fraternidade da Esperança promove a 3ª edição da VIGÍLIA DE LEITURA CONTÍNUA DA PALAVRA. Leitores de diferentes realidades, idades, pastorais, grupos e movimentos se alternarão na leitura da Palavra de Deus.

A primeira edição da VIGÍLIA foi realizada em setembro de 2011, por ocasião da acolhida da Cruz e do Ícone da Jornada Mundial da Juventude no Arsenal da Esperança. Nas edições anteriores, centenas de leitores leram, na íntegra, os quatro Evangelhos, o livro dos Atos dos Apóstolos e as cartas apostólicas.

Neste ano reiniciaremos a leitura da Bíblia com os Livros do Pentateuco, precedidos – a convite do Cardeal DOM ODILO PEDRO SCHERER, que participará do evento – pela Leitura do Evangelho de João e da Carta aos Hebreus como textos que nos indicam o caminho da fé.

A edição de 2013 será, mais uma vez, um tempo de leitura e escuta da Palavra de Deus,
sem comentários, apenas ritmada pela mudança dos leitores e por breves espaços musicais e momentos de silêncio.

Todos podem participar. Dê sua voz à Palavra! Inscreva-se e divulgue aos seus amigos e familiares!

PROGRAMAÇÃO

19h do dia 13/09: Acolhida.

20h
do dia 13/09: Início da Leitura da Palavra.

06h30
do dia 14/09: Término da Vigília com a celebração da Missa presidida por DOM EDMAR PERON, Bispo auxiliar da Arquidiocese de São Paulo, responsável pela Região Belém.

versão PDF

SERMIG - Fraternidade da Esperança

Dom Angélico: "O Arsenal é um santuário de ESPERANÇA"...

Hoje, o Arsenal da Esperança celebrou a vida de DOM LUCIANO MENDES DE ALMEIDA no sétimo aniversário de seu falecimento. A missa foi presidida por Dom Angélico Sândalo Bernardino que nos presenteou com estas palavras: "O Arsenal é um santuário de esperança na cidade de São Paulo", procuraremos merecê-las.... Dom Luciano acreditava em Deus e acreditou também em nós e por isso queremos continuar a lembrá-lo, queremos que não seja esquecido, queremos senti-lo presente na vida da nossa Fraternidade. Agradecemos a presença de tantos amigos e amigas!

Ler mais: Dom Angélico: "O Arsenal é um santuário de ESPERANÇA"...